Sebrae Acesse o Portal Sebrae
Você está na ASN

Agência Sebrae de Notícias

ASN Nacional 04/07/22 às 11:49 Atualização 04/07/22 às 11:54
Compartilhe

Wi-Fi Brasil: Sebrae inicia instalação dos pontos de conexão

Por Da Redação
ASN Nacional 04/07/22 às 11:49 Atualização 04/07/22 às 11:54
Compartilhe

O Sebrae deu início às instalações dos pontos de conexão de internet previstas no Programa Wi-Fi Brasil, iniciativa coordenada pelo Ministério das Comunicações. Até o final de setembro, a expectativa é que mais 500 pontos de conexão banda larga sejam instalados através da parceria, formalizada em outubro de 2021. Das localidades atendidas, 27% foram associações ou cooperativas, 22% salas de empreendedores, 18% escolas públicas e, o restante, em locais com potencial de desenvolvimento de atividades empreendedoras.

O grande objetivo do Wi-Fi Brasil é levar conexão banda larga para os brasileiros de forma gratuita. Como parceiro do programa, o Sebrae concedeu os novos pontos de internet usando critérios como conectividade zero das localidades e potencial de desenvolvimento empreendedor. Após a instalação dos pontos de internet, a instituição pretende apresentar aos usuários seu portfólio de soluções.

Escolas, associações, cooperativas, salas de empreendedores, praças e demais localidades públicas poderão disponibilizar os cursos gratuitos do Sebrae sobre gestão empresarial ou educação empreendedora, por exemplo. Pedro Pessoa, analista de políticas públicas do Sebrae, afirma que a oportunidade é inédita no país, consagrando o Wi-Fi Brasil como um dos maiores programas voltados à inovação e tecnologia.

“Sem dúvidas é a maior estratégia em termos de volume de pessoas atendidas. O programa do governo federal já possui 17 mil pontos de internet instalados, em mais de 11 mil escolas, 700 unidades de saúde e 470 aldeias indígenas. Esses números não param de crescer, pois instituições como Sebrae reconhecem a oportunidade de impulsionar o programa e levar cada vez mais conexão para os brasileiros. Atualmente, ter acesso a internet é uma necessidade básica para existência do negócio”, reforça o analista.

Bahia, Maranhão, Pará, Minas Gerais e Ceará são os estados com maior atuação do Wi-Fi Brasil. Segundo Pedro Pessoa, levar inclusão digital para essas regiões é prestar um serviço que se tornou essencial: “Importante perceber que, com a Estratégia do Governo Digital, até para acessar as políticas públicas a internet se tornou essencial. É uma estratégia que promove cidadania e viabiliza a realização de negócios. O Sebrae compreende que a geração de emprego e renda através do empreendedorismo, passa por ter acesso à internet, fazer cursos EAD, planejar um negócio, formalizar a inscrição como Microempreendedor Individual (MEI), entre outras atividades que serão possíveis”.

Compartilhe
Ficou com alguma dúvida ou tem sugestões? Entre em contato pelo [email protected] ou fale com a ASN em cada UF

Notícias relacionadas